Recentemente li um texto que fala sobre o que realmente significa ansiedade. O texto foi publicado no site Thought Catalog, por Kirsten Corley. Então, como sofredora desse mal, também escrevi um pouco sobre o que é ansiedade, baseado no que sofro constantemente e inspirado no texto da Kirsten.

O que é ansiedade?

Ansiedade é dormir mas nunca descansar. É acordar diversas vezes durante a noite, às vezes por causa de pesadelos e às vezes sem motivo algum.
É dormir as 3 horas da manhã mesmo depois de um dia exaustivo, simplesmente porque sua cabeça está funcionando a todo vapor.
É pensar negativamente de forma involuntária, e nunca parar de se preocupar.

Ansiedade é achar que tudo vai dar errado, mesmo quando está tudo caminhando da forma certa. É tomar todas as precauções possíveis, e mesmo assim ter a certeza de que algo vai estragar tudo.
É sempre ter que planejar e ter tudo em seu controle. É se sentir perdido quando não existe um plano, e se desesperar em busca de um objetivo.

Ansiedade é pensar que seu namorado não te ama mais depois que você briga com ele por causa de algo simples. É achar que ele está pronto pra terminar com você, mesmo quando você não fez nada de errado. É entrar em desespero quando ele demora demais para responder uma mensagem, achando que ele não quer mais falar com você, ou sofreu um acidente, ou até algo pior, mesmo quando o motivo tenha sido apenas um celular descarregado.

Ansiedade é querer dar logo um rumo na sua vida, mesmo quando seus pais dizem que você tem o seu tempo. É chorar quando acha que vai reprovar em alguma matéria, simplesmente porque você não quer decepcionar seus pais.

Ansiedade é se pressionar, é querer fazer tudo certo e o mais rápido possível. É sofrer a pressão da sociedade mais do que deveria. É passar horas e horas chorando porque não suporta mais aquele peso que você mesmo coloca em cima de você. É se sentir inútil e incapaz. É querer desistir sem ao menos tentar.

Ansiedade é ficar doente, porque seu corpo transforma suas dores psicológicas em dores físicas. É ter crises e ir pro hospital com dores fortes, mas no final ouvir que é somente tensão. É ouvir "relaxe", "deixe de se preocupar", e mesmo assim não conseguir.

Mas no final, ansiedade é amar demais, se importar demais. É fazer tudo certinho para não desapontar ninguém. É querer que tudo dê certo para todos se sentirem felizes e nunca se machucarem.
E, quando encontramos apoio, tudo isso pode ser muito menos dolorido e mais leve. Nossos amigos, familiares, psicólogo, ou qual seja o seu apoio, vão nos ajudar a aprender a conviver com a ansiedade. Sempre será difícil, mas devemos buscar no equilíbrio a nossa paz.

Tata.


4 Comentários

  1. Eu já tive síndrome do pânico e ainda tenho ansiedade, caramba como é ruim controlar isso .. mas já procurei ajuda .. adorei seu post

    ResponderExcluir
  2. Amei o post, sempre tenho crises de ansiedade e é muito difícil, na hora não consigo pensar em nada só chorar...

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo post, melhor definição de ansiedade. Eu infelizmente sofro desse mal, ultimamente estou tendo muita dificuldade para dormir, é muito ruim você está cansada querendo descansar e sua cabeça não te deixa relaxar e isso infelizmente é um mal que atinge muitas pessoas em todo o mundo.

    ResponderExcluir
  4. Eu sofro desse mal desde pequena e só piora. Eu tomo remédios, tenho acompanhamento médico e tem ajudado bastante. Meu problema também é dormir, eu durmo pouco e isso me destrói. :( queria uma receita magica pra isso tudo sair. Também sofro de depressão. Seu post diz muito sobre a ansiedade, é bem assim mesmo. :(

    ResponderExcluir